Grupo italiano Double You e os roqueiros do RPM se apresentam no Rock N’Dance em Fortaleza

Por: Assessoria de Imprensa

O Rock N’Dance acontece no dia 21 de novembro na Musique. Todos os clássicos que marcaram uma geração reunidos numa festa eletrizante com RPM e Double You.

 

 

D&E Entretenimento confirma apresentação do grupo internacional Double You e do quarteto mais amado do Brasil; os roqueiros da banda RPM, que voltam a Fortaleza para o evento Rock N’Dance, no dia 21 de novembro, na Musique.

A venda de ingressos para o Rock N’Dance já começaram no site da Ingressando. Os setores disponíveis para o evento são pista, frontstage e camarote. Os valores das entradas vão de R$50 a R$200.

O grupo italiano Double You é um o fenômeno pop que atravessa gerações – desde 1985 – com recorde de público no Brasil! Em 1991 tornaram-se mundialmente conhecidos com a regravação da música “Please Don’t Go”.

Com mais de 10 milhões de discos vendidos em todo o mundo, o Double You tem milhares de seguidores no Brasil. Eles chegaram até a dedicar o álbum “Forever” a todos os seus fãs brasileiros.

Formado em 1983, por Paulo Ricardo (vocal e baixo), Luiz Schiavon (teclados e programações) Fernando Deluqui (guitarra) e Paulo P.A. Pagni (bateria), o RPM foi um dos maiores vendedores de discos da história do rock nacional, com os platinados “Revoluções por Minuto (1985) e “Rádio Pirata ao Vivo” (1986). São mais de três décadas de sucesso esgotando as bilheterias por onde passam.

A festa é mais um produção e realização da D&E Entretenimento.

 

SOBRE O DOUBLE YOU

DOUBLE YOU

Em 1991, os meninos conheceram o produtor Roberto Zanetti. Em dezembro do mesmo ano, “Please Don’t Go” foi gravada. A canção foi lançada em janeiro de 1992 e foi um sucesso instantâneo. Double You excursionou pela Europa e apareceu em programas de TV ao redor do mundo.

“Please Don’t Go”, uma versão dance de uma música da KC and the Sunshine Band, ganhou o ouro e muitos discos de platina na Europa, América Latina, África e Ásia. O álbum também vendido na América do Norte (vendas top ten maxi), em Israel (# 12), e no Reino Unido.

O segundo single, “We All Need Love” foi gravado em junho de 1992, durante uma turnê européia e foi exposto em todo o mundo. Após este segundo single, seguiu-se o primeiro álbum “We All Need Love”, o qual reuniu músicas como: “Who’s Fooling Who?” (o terceiro single) e “Why (Let’s Make It Christmas)”. Eles realizaram o último juntamente com o compositor e cantor original de “Please Don’t Go”, Harry Casey, conhecido profissionalmente como “KC”.

No final de 1993, a gravação do segundo álbum, “The Blue Album”, começou. Seguiram-se estes singles: “Missing You”, “Part Time Lover”, “Heart of Glass” e “Run to Me” (a música deu ao grupo a possibilidade de iniciar sua primeira turnê na América do Norte em 1995). Eles apresentaram-se em cidades como Miami, Daytona, Orlando e outras cidades ao longo da costa leste.

O grupo apresentou-se em teatros e salas de concertos, no Brasil, tais como o “Metropolitan”, no Rio de Janeiro e “Olympia” em São Paulo. Em menos de três meses, o grupo realizou sessenta e quatro shows, assistidos por mais de 350.000 pessoas.

Em 1995, o novo single “Dancing With An Angel” foi lançado, com a cantora Sandra Chambers. Uma longa turnê italiana começou, com duração de oito meses. A música também foi um sucesso em outros países: Suíça, Austrália, Israel e América Latina. O single “Because I’m Loving You”, foi lançado em versões diferentes. Foi um grande sucesso em Espanha, Itália, Israel (onde chegou a # 19), e no Brasil e um dos mais tocados nas rádios européias.

No início de 1996, Andrea de Antoni deixou o grupo para realizar a sua própria carreira artística. Neste período, o Double You foi uma grande demanda no Brasil, tendo iniciado uma nova turnê. Lá eles apresentaram-se nas mais importantes salas de concerto do país. O grupo dedicou o álbum “Forever” a todos os seus fãs brasileiros. Este novo álbum foi produzido 50% na Itália e 50% no Brasil. Foi lançado apenas no país, vendendo 150 mil cópias.

Um single foi lançado no mesmo ano, apenas no Brasil, sob os holofotes da etiqueta. Foi intitulado “If You Say Goodbye”.

William Naraine também participou em vários projectos DWA: Dice Drama, Eclipse, Mission, Funkelectra, Infinity Sense feat, Kaas, o Pacific, Space Tribe, o Time Machine, Toro, Willy Morales. Após um descanso de dois anos, passou um tempo no estúdio para criar novas canções para seu próximo álbum. Na primavera de 1997, o novo single, “Somebody”, foi lançado. Em 1999, outro single foi lançado, chamado de “Desperado”.

Em 2000, Double You lançou um single chamado “Music (Is The Answer)”, seguido por um remix de 2001 do hit “Please Don’t Go”. O melhor do álbum chamado “Studio Live” foi lançado no mesmo ano no Brasil. Em 2002, Double You lançou um single intitulado “Dance Anymore”. Ele tinha trabalhado com Memi P. e S. Ryo, produzido e realizado com outras bandas como T-Factory. No mesmo ano, sua voz era caracterizada pelo amor para a faixa “I’ll Be Over You”.

Em 2003, Double You fez um “remake” do hit de Bryan Adams “Everything I Do (I Do It For You)” e um “cover” da música do U2 “With or Without You” (que não foi lançada como um single). A banda excursionou em todas as principais cidades brasileiras. Em maio, eles fizeram shows no sul e sudeste, incluindo uma apresentação no “Olympia” de São Paulo e no “Dance Caipiriba”, na cidade de Aparecida. Então eles foram para Belém, Macapá e Manaus. William Narnine casou-se no ano de 1998, com Marsh Izeka do Egito.

Em 2004, William Naraine contribuiu em março para a música “All My Illusion” da única Vanni G. Em outubro, ele apareceu novamente no próximo single, “I Say Yeah”. Ele também participou de um remix do single pela Promise Land vs Netzwerk Memories, onde fez um dueto com Sandy. Em 2005, Double You lançou com o artista Don Cartel “Please Don’t Go” para Record Company Triple B Records. O single atingiu o gráfico holandês mega top 100 na posição 40 e Pepsi Chart na posição 38. Em novembro de 2007, um DVD ao vivo (filmado durante um concerto em São Paulo) e um CD ao vivo foram lançados, disponíveis apenas no Brasil.

A voz de William foi apresentada no single “Get Up”, do DJ Ross, sob o nome do projeto DJ Ross vs DY. Seu acompanhamento individual foi chamado de “Beat Goes On”. Ambos foram grandes sucessos.

Em 2009, Double You volta as paradas e as pistas com o hit “If I Could Fall”, com uma pegada trabalhada numa linha mais pop. Esse hit foi relançado em 2011 com outros remixes numa pegada mais progressive house. Em 2010, a novela Malhação, lança um novo CD, chamado “Malhação”, com o um novo hit Definitely Sure, no seu playlist. A canção com estilo bem reggae, diferente de tudo que William Naraine já tinha feito toca em todas rádios do Brasil inteiro e conta como mais um sucesso na carreira do Double You. Existem sim remixes com levada mais house e eletrohouse. Ainda em 2010, durante uma turne no Brasil, no dia 04 de Junho Double You se apresenta numa festa junina em Mauá, SP, cantando seus diversos sucessos. (Fonte: Wikipédia)

 

 

SOBRE O RPM

RPM

 

Revoluções por Minuto, também conhecido por RPM, é uma das bandas de rock mais populares do Brasil. Surgiu em meados dos anos 80, e com um som que mesclava música eletrônica ao pop rock e letras engajadas conseguiu emplacar vários hits que fizeram do RPM a banda de maior vendagem naquele momento, com cerca de 5 milhões de cópias.

A popularidade da até então desconhecida banda RPM cresceu. Paulo Ricardo (vocal e baixo), Luiz Schiavon (teclados), Fernando Deluqui (Guitarra) e Paulo P.A. Pagni (bateria) passaram a integrar uma das mais queridas bandas de rock do país. “Olhar 43”, “A Cruz e a Espada”, “Alvorada Voraz”, “Rádio Pirata”, “Louras Geladas”, “London, London” e a música que batizara o nome da banda (“Revoluções por Minuto”), foram os principais sucessos que o quarteto emplacou durante os anos de 1984 a 1989, quando lotaram estádios e protagonizaram uma verdadeira beatlemania no Brasil.

Depois de um longo hiato, onde desenvolveram seus projetos individuais, em 2002 o RPM lançou, em parceria com a MTV, o CD e DVD MTV RPM 2002, gravado no teatro Procópio Ferreira em São Paulo, acompanhados por uma orquestra. Neste novo projeto, o RPM trouxe para os seus fãs, além dos já consagrados sucessos, novas canções que logo caíram no gosto do público: “Vida Real” (tema do Big Brother Brasil), “Carbono 14”, “Rainha”, “Fatal” e “Onde Está o Meu Amor”, tema da novela Esperança da Rede Globo.

Em 2008, a banda lançou a caixa Revolução! (RPM 25 anos) com quatro CDs e um DVD, cobrindo toda a produção da banda nos anos 80, incluindo o show Rádio Pirata ao vivo e programas como Globo Repórter e Chacrinha, além da biografia (Revelações por minuto, de autoria de Marcelo Leite de Moraes e fotos de Rui Mendes).

Mas em 2011 o RPM voltou para ficar. Depois de serem homenageados num episódio da série “Por Toda a Minha Vida”, da Rede Globo, emocionados com a repercussão do programa, começaram a falar seriamente sobre uma volta definitiva.

Dessa volta, nasceu o CD “Elektra”, duplo, com doze músicas inéditas e sete remixes. Desde então, o RPM tem feito shows por todo o país, numa superprodução com projeções, laser, elevadores etc. No final de 2012, “Elektra”  foi indicado ao Grammy Latino, como Melhor Álbum de Rock.

Este ano, RPM se prepara para lançar um DVD com a turnê Elektra ao Vivo, além de um documentário com cenas de shows, bastidores de entrevistas e Flagrantes da estrada. Além disso, o novo trabalho terá também os singles “Vidro e Cola (Linda)”, a nova versão de “Vida Real”, feita este ano a pedido da Rede Globo, e “Miss You”, dos Rolling Stones, além do hard rock “Primavera Tropical”, que retoma a veia politizada da banda. E aguardem para o início de 2014 um novo cd de inéditas. A revolução continua!

 

Serviços – Rock N’Dance com RPM e Double You

Quando: 14 de novemrbo

Onde: Siará Hall

Horário: 22 horas

Vendas já disponíveis pelo site: www.ingressando.com.br

Valores:

Pista: R$50

Frontstage: R$80

Camarote: R$100

Informações: 85 3230.1917

Assessoria de imprensa:

Airlly Barbosa

comunicacao@deradio.com.br

Comentários